Este semestre, na faculdade, estou cursando uma disciplina chamada de "Desenvolvimento de Coleção". Como o próprio nome já diz nos vamos fazer uma coleção aplicando todo o conhecimento que adquirimos ao londo do curso. E o tema da minha sala foi: o futurismo da década de 60. Hoje decidi compartilhar aqui com vocês um pouco sobre esse assunto.

Não é novidade para ninguém que os designer criam a partir de um ponto de referência (na verdade podem até ser vários). É importante para nós estudantes estar atento à esses temas. Para isso precisamos prestar bastante atenção ao que está acontecendo no mundo, pois as tendência de moda são reflexos da sociedade atual. E é por isso que me surgiu a pergunta: por que o futurismo da década de 60 está influenciando o mundo da moda atualmente?


Nos anos de 1960 a 1969, as pessoas viviam uma grande ansiedade em relação ao futuro, afinal elas estavam passando por importantes revoluções naquele momento.  O jovem pela primeira vez na história foi percebido pela sociedade (principalmente pela mídia), o primeiro e-mail foi enviado, o homem foi à lua, surgiu a tv a cores, etc. Tudo isso levou as pessoas daquela época a ficarem imaginando como seria o futuro.
Os Jetsons é um desenho dos anos 60 que representa o anseio pelo futuro.

Atualmente vivemos algo semelhante, caminhamos em busca das coisas que ainda não existem. Embora na minha opinião a razão desta vez é justamente ao contrário da década de 60. Estamos vendo muito do mesmo, a novidade em si está ficando cada vez mais rara, tudo é inspirado ou reformulado de algo que já existe. A partir disso as pessoas criaram aquele sentimento de transgressão. Também tem o fato de estarmos passando por profundas revoluções assim como na década de 60, exemplo: cena política conturbada, feminismo cada vez mais forte, a sustentabilidade ganhando espaço na mídia e dentro das empresas. Tudo isso culminou em ninguém querendo mais ficar parado, o desafio agora é fundamental.
E aqui fica um questionamento: no meio dessa revolução, onde você se encaixa? Vou dá um exemplo puxando pro mundo "blogueiro". Será que os blogs que realmente passam conteúdo interessante vão prevalecer? Ao que me parece as pessoas estão alienadas à essa história de #lookdodia e vlog. Por favor, não me entendam mal, sei que esse tipo de trabalho é legal e super importante para o meio publicitário, só acho que estão valorizando demais isso. Vejo meninas que possuíam conteúdo bacana e que hoje só se dedicam a ser "modelo", pois o que dava "ibope" era os looks. Enfim, a culpa é das "blogueiras vendidas" ou do "público alienado"? Como será o blog do futuro?






Deixe um comentário